Roteiros e Dicas


Los Roques/Aruba/Bonaire/Curaçao

01/10/2011 10:06

Nova mensagempor glaubercr » Site Mochileiros.com

Olá Galera da Mochila!!!

Recém retornei de viagem de 23 dias à Venezuela e ilhas próximas. Fiz todo o roteiro inspirado nas dicas deste site, que li de cabo a rabo, e venho agora com muito prazer relatar as minhas experiências e oferecer novas dicas.

Tudo começou com a minha saída de férias e a busca por um destino para aproveitar minhas milhas Smiles...

DICA 1: Você tem 20.000 milhas Smiles? Aproveite para conhecer a Venezuela. De todos os destinos Smiles para mim este é o que oferece o melhor custo benefício de todos. Com as minhas 20.000 milhas fui e voltei de Florianópolis a Caracas e a disponibilidade de acentos é boa. Marquei com apenas 1 mês de antecedência!

Enfim, dia 24/10 eu minha namorada saímos de Floripa em vôo noturno para dormir em SP e pegar o vôo de 25/10 de manhã para Caracas. O vôo pousou em Congonhas, pegamos o traslado gratuito da Varig para Guarulhos e, lá chegando, procuramos o ponto de onde saem as vans dos hotéis. Fechamos com a melhor oferta de pernoite (R$ 100 o casal)

Em 25/10 por volta das 14h chegamos em Caracas. Pelo tudo que li, meu objetivo era zarpar daquele lugar o quanto antes, de preferência sem ter que perder uma noite por lá. Há vôos para Los Roques às 15h e vôo noturno para Curaçao pela empresa aérea DAE. Como o vôo para Los Roques ficava muito em cima do horário e a DAE não tem este vôo noturno no Sábado, deixei para chegar lá e ver no que dava...

DICA 2: Se assim como eu você pretender não perder tempo em Caracas e pretender conhecer as Antilhas holandesas, antes de marcar o seu vôo do Brasil para Caracas compre no site da DAE a sua saída de Caracas para Curaçao pois este trajeto é de disponibilidade complicada e dormir em Caracas custa caro além de significar 1 dia perdido ao meu entender...

Cheguei no aeroporto de Caracas, larguei minha namorada com as malas na primeira lanchonete que vi no aeroporto e corri atrás de todas as empresas aéreas que faziam os destinos que eu desejava na esperança de conseguir uma partida para o mesmo dia. Eu já tinha uma listinha bem detalhada com todas as empresas aéreas e seus destinos. Esta lista obtive pesquisando principalmente nos sites dos aeroportos de Aruba (que disponibiliza informações online com todas as partidas) e Curaçao (que além das partidas informa online as chegadas). Eu olhei estes sites diariamente por uma semana.

DICA 3: Lista das empresas aéreas que saem de Caracas para estes destinos:

- Venezolana (http://www.ravsa.com.ve) - Voa para Aruba e a partir de 2009 para Curaçao também. Dá pra comprar online e os preços eram cerca de US$ 100 o trecho (o melhor preço que achei).
- Avior (http://www.avior.com.ve) - Voa para Aruba e Curaçao. Vende online. Oferece preços de US$ 100 a 300 o trecho conforme antecedência que se marca.
- Aserca (http://www.asercaairlines.com) - Voa para Aruba e Curaçao. Não vende online, mas faz reservas por telefone (+58 212 905-5333 / 58-212-951- 3887 / 58 212 905 5207)
- DAE (http://www.flydae.com) - Voa para Aruba e Curaçao. Vende online. Preços variam constantemente
- Chapi air (http://www.chapiair.com) Voa para Los Roques - Contato só por e-mail - Fazem reservas
- Rainbow air....não tenho contatos
- Aerotuy (http://www.tuy.com) Voa para Los Roques - Fazem reservas

Agora tenha uma coisa em mente: Não existe uma única empresa aérea decente na Venezuela. Eles não fazem a menor questão de te atender, não respondem e-mail e a maioria não tem sequer balcão de vendas no aeroporto e o checkin é uma plaquinha improvisada num balcão qualquer. Não perca o seu tempo mandando e-mail ou tentando pesquisar tarifas por um meio diferente do site. Recomendo que para não ter que dormir uma noite em Caracas em uma viagem com o roteiro que fiz compre o vôo noturno da DAE pelo preço que for que vale a pena. Se o seu roteiro não permitir isso então faça a reserva pela Aserca porque dá para pagar somente lá e pagando em cash seus dólares valerão o dobro com o câmbio negro, agora reze para que a reserva tenha sido feita corretamente.

Em relação a vôos, a única coisa que eu tinha quando parti do Brasil era uma reserva que fiz por telefone com a Aserca (cuja tentei receber um e-mail com a confirmação por todos os meios e não consegui) e que reservaram o retorno com data errada e por isso não me serviu.

Ao desembarcar de vôo internacional você será imediatamente assediado por cambistas querendo comprar os seus dólares. Fugi deles, instalei minha namorada e sem as malas e a cara de turista que acabou de chegar sai procurando os balcões das empresas aéreas. Como não encontrava, perguntei para um cara que já grudou em mim e disse que me ajudaria a conseguir a saída para aquele mesmo dia (aff). Deixei claro a ele que não tinha dinheiro e que só queria a informação mas ele continuou no meu pé....Os guichês das empresas aéreas ficam no andar de baixo, nas 2 pontas do pavilhão, mas o atendimento é aquele que já relatei. Acabei fazendo um câmbio pequeno com este cara mala para pagar as despesas daquela noite. Ele me trocou cada dólar por BsF 4,40.

Não encontrei nada para sair naquele dia e o pior, não achei nada pra lugar nenhum dentro do cronograma de reservas de estadia que eu tinha feito. Bati perna das 14h até as 21h naquele aeroporto desgraçado implorando para ser atendido por aquelas empresas de merda e saí as 21h sem nada comprado, apenas uma reserva feita para Los Roques no dia seguinte.

DICA 4: Não vale a pena deixar para comprar as passagens por lá. Além de toda a desorganização já relatada, mesmo em baixa temporada como foi o meu caso os vôos ficam lotados de venezuelanos que vão para as Antilhas atrás de dólares para fazer cambio negro. Compre a sua saída de Caracas para as antilhas antecipadamente pelo site. Nem mesmo a vantagem do câmbio faz valer a pena o risco de comprar somente quando chegar lá.

Em Caracas fiquei na "Posada del Hidalgo" (posadahidalgo@hotmail.com), recomendação de um amigo.... Um hotel velhinho, meio sujinho como tudo que vi na Venezuela, mas suportável. As vantagens deste hotel são o preço (BsF 150 o casal que é caro mas não tanto pois lá te metem a faca, um restaurante muito bom que tem no hotel e a proximidade do aeroporto. Eles oferecem traslado por BsF 80 para ir e BsF 80 para voltar

Dia 26/10 as 9h estava eu novamente desesperado no aeroporto tentando comprar passagens de ida e volta para Curaçao ou Aruba em qualquer data que fosse viável para encaixar uma semaninha em Los Roques. Estava disposto a topar qualquer coisa, qualquer preço e inclusive a perder as reservas que eu já tinha feito para estadia (não tinha adiantado nenhum valor para estas reservas). Conheci uma agencia de turismo que perto do desembarque internacional chamada "Premiere". Lá eles vendiam passagens da DAE, única que eu ainda não tinha pesquisado (porque no aeroporto eles têm apenas um balcãozinho com uma plaquinha pra fazer o checkin, não te dão informação nenhuma e não vendem bilhetes ali). Nesta agência há uma mulher chamada Ligia, que fala português. Também não consegui os vôos com a DAE. Eu já não sabia mais o que fazer. Estava começando a imaginar um novo roteiro sem as antilhas, puto da vida já, quando a Ligia me pediu para trazer rapidamente o passaporte porque tinha aparecido no sistema uma vaga para a data que eu queria!! BINGO!!! Salvo pelo gongo, consegui comprar ida para Curaçao em 1/11 e retorno para 16/11, data de saída do meu vôo para o Brasil!!! Pra ajudar a Ligia ainda fez o cambio do valor que eu iria precisar em Los Roques por BsF 4,50

DICA 5: Agencia de turismo Premiere – Sra. Ligia. Um dos raros locais em que fui bem atendido apesar do pepino que eu tinha em mãos e ainda se faz um cambio bom e com segurança. Claro que para fazer um câmbio bom tem que saber negociar. Ela começou me oferecendo BsF 3,50 e ai eu blefei dizendo que tinha BsF 4,50 por cada 1US$ e ela cobriu...

Corri para o aeroporto nacional para pegar o vôo para Los Roques que tinha comprado na agencia da Aeroejecutivos por BsF 850 ida e volta por pessoa. Com a Chapi sairia mais barato, cerca de BsF 700 mas acabei comprando da Aeroejecutivos (que me vendeu os bilhetes para voar pela Rainbow air) para evitar confusão com estes picaretas...

DICA 6 - Fuja da Aeroejecutivos: Cheguei lá procurando o vôo para Los Roques e me ofereceram um pacote com estadia a um preço interessante e eu reservei. Era BsF 850 das aéreas por pessoa e mais BsF 150 da estadia com café e janta. Eu tinha lido que em Los Roques não se achava nada por menos de BsF 90 de estadia por pessoa e então concluí que valia a pena. Na hora de cobrar resolveram me cobrar na estadia BsF 150 por pessoa!! Eu falei que então não queria mais. O cara encrespou dizendo que não podia mais cancelar o vôo e que se eu não pagasse ele teria de pagar do próprio bolso e tal... Para evitar mais confusão fiquei com as aéreas e cancelei só a estadia.

DICA 7 - Para Los Roques só se chega de avião e somente existem aviões pequenos que voam para lá. Se você tem fobia de voar é bom que se prepare mentalmente pois para todos os destinos daqui por diante o vôo é de Teco-Teco...Isso implica também em LIMITE DE PESO para as bagagens. Para Los Roque o limite é de 10kg por pessoa. O excesso custa BsF 4,00 por Kg (preço para ida e volta). Tínhamos 45kg no total e com sorrisos e o jeitinho brasileiro conseguimos parar somente BsF 40 de excesso....

DICA 8 - Descobrimos no embarque que a Rainbow estava com uma promoção para Los Roques que visava principalmente atender os moradores de Los Roques que costumam ir a Caracas no fim de semana visitar parentes e fazer compras. Este vôo sai de Los Roques para Caracas no Sábado e volta no Domingo e custa BsF 200 ida e volta!!! Como eu estava saindo de Caracas para Los Roques no Domingo e voltava para Caracas no Sábado, poderia ter pago esta tarifa se tivesse comprado direto pela Rainbow.....

O vôo para Los Roques é espetacular...A vista de Los Roques lá de cima é de arrepiar. Não é a toa que chamam de Polinésias americanas. Não haveria nome melhor para retratar...

Chegando em Los Roques não dispense o serviço dos carregadores de mala..... BsF 5,00 muito bem gastos para não arrastar aqueles 45kg pela areia...

Ao chegar fomos abordados pelo dono daquela pousada que a Aeroejecutivos queria me vender. Ele disse que podia fazer por BsF 130 por pessoa. Minha namorada ficou esperando com as malas enquanto fui lá ver. Em seguida passei para ver a pousada da Doña Magali que diziam aqui no site dos mochileiros que era a mais barata. Ela pedia BsF 100 por cabeça mas fez por 90 com café da manha e janta inclusos. Olhei também a Doña Carmen que pedia BsF 150 por pessoa. Ficamos com a Doña Magali que era tão boa (ou melhor, tão ruim) quanto as outras, mas pelo menos não fedia mofo...Estadia bem simples mesmo, comida simples, meio sujinho mas suportável.

DICA 9: Quando chegamos em Los Roques olhamos somente estas 3 pousadas e, já que eram todas meia boca, ficamos com a mais barata. Ao final da viagem concluímos que Los Roques seria um bom destino para aproveitar e ficar bem hospedado. Se tivéssemos procurado opções na faixa de BsF 200 por pessoa teríamos ficado muito bem instalados. Ficando bem instalados em Los Roques chegaríamos menos calejados para os destinos que ainda viriam (antilhas holandesas) nos quais uma estadia com algum luxo seria completamente inviável pois nos cobrariam os olhos da cara.

Na baixa temporada não há necessidade de reservar nada, tem muitas pousadas em Los Roques e chegar lá com dinheiro na mão e olhar o quarto antes de fechar é certamente a melhor escolha. Na alta temporada (Do natal ao Carnaval e na Páscoa) dizem que lá fica lotado, ai já não sei se é uma boa chegar sem reservas, mas eu arriscaria a não ser que pudesse reservar sem dar nenhum sinal previamente....

Aproveitamos o resto de tarde de Domingo para planejar os passeios. Saimos atrás de operadoras de mergulho. Tem uma na praça e uma perto do aeroporto. Na do aeroporto fomos atendidos pelo gerente que se chama Jesus. O cara foi muito legal e prestativo e nos passou confiança. Ofereceu um pacote para todos os nossos dias por lá e fechando o pacote tivemos 10% de desconto em tudo além de mascaras, snorkel, nadadeiras, isopor, cadeira de praia e guarda-sol free para os passeios.

27/10, primeiro dia de passeio, como eu ainda estava meio resfriado, não mergulhamos. Fomos para o cayo dagua. Fascinante.... Fiz o melhor snorkel da minha vida....vimos uma raia linda.... Certamente tão cedo não vou conhecer outra praia tão bonita.... Na volta passamos por um projeto de tartarugas tipo o Tamar e depois ficamos 1h na ilha de Crasqui onde tem uma piscina natural maravilhosa para snorkel em que vi um polvo lindão....

28/10 - Fizemos 2 mergulhos. Espetacular!!! O instrutor Jesus é nota 10. Foi super paciente com a minha namorada que fazia o seu primeiro mergulho após tirar a sua certificação....

29/10 - Fizemos mais 2 mergulhos. Fomos na boca da barreira de corais....espetacular novamente

30/10 - Passeio na ilha de Francisqui. Final da tarde caiu uma chuva de verão e aproveitamos que o sol tinha baixado para fazer snorkel numa piscina natural que tem lá, mas depois de cayo dagua e crsqui o snorkel em francisqui ficou sem graça. A noite fizemos o mergulho noturno....sem comentários!!!! Muito lindo... vimos um peixe papagaio GIGANTE dormindo em uma toca, trocentas moréias fora de suas tocas caçando, polvo, pegamos peixe cofre com as mãos (sem luz eles ficam sem sensibilidade) etc, etc, etc...

31/10 - Passeio para ilha de Noronsqui. Passamos o dia inteiro sozinhos na ilha....uma ilha só para nós....snorkel maravilhoso...

1/10 - Saimos no vôo das 8:30 para Caracas. Valeu muito a pena esta semana em Los Roques...um dia ainda volto...mas tenho que dizer que saímos, depois de 1 semana em Los Roques, ansiosos por chegar em um lugar com infra-estrutura e mais recursos....engraçado né, estas horas a gente reflete e vê que até o paraíso enjoa....

DICA 10 - Repelente é artigo de 1a necessidade em Los Roques!!! Após as 16h os ventos param e os mosquitos te comem vivo

DICA 11 - Para os passeios leva-se um isopor com gelo, bebidas e comidas. Tirando as ilhas de Crasqui e Francisqui, nenhuma outra tem 1 boteco sequer. Abasteça o seu isopor com bebidas da "distribuidora de licores" Lá você compra a latinha de cerveja por BsF 2,50. Para comer a melhor opção é encontrar o açougue que lá vende frios. Chamam de "açoguera". Compre um pão de forma, queijo, presunto e depois passe num "bodegón" para comprar uns snacks e biscoitos

—————

Voltar